Carregando.
Aguarde !

O CENA

aquarela klausO CENA é um instituto especializado da USP, fundado em 1966 por docentes da ESALQ-USP com a missão de difundir o conhecimento científico e tecnológico e contribuir, através da formação de recursos humanos, para melhoria da produção e da oferta de alimentos saudáveis, atuando em defesa do ambiente por meio de atividades de pesquisa e ensino. 
Os pesquisadores do CENA conduzem cursos e treinamentos em diversas áreas de pesquisa e, em muitas delas, há interação com a indústria e empresas exportadoras de alimentos, envolvendo desenvolvimento e implementação de tecnologias avançadas.
As divisões científicas - Produtividade Agroindustrial e de Alimentos, Desenvolvimento de Técnicas Analíticas e Ecologia de Agroecossistemas - têm como principal função fomentar a integração dos pesquisadores e educadores para elaboração de propostas de intervenção conjunta de medidas e soluções de problemas importantes para o desenvolvimento técnico-científico para fins de manejo sustentável da agropecuária, no uso e na conservação da biodiversidade e dos recursos naturais. 
Essas divisões contam com um grande parque de equipamentos, outorgados por entidades financeiras e pela USP, e atuam sob forma competitiva para aprovação de projetos, envolvendo uma ampla base de conhecimento de caráter multidisciplinar.

Formação de Recursos Humanos em Programas de Graduação (Interunidade com ESALQ/USP) e de Pós-Graduação

O CENA ministra disciplinas essenciais e optativas nos diferentes cursos de graduação da ESALQ-Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (USP), além de oferecer estágios supervisionados. Oferece dois programas de pós-graduação (mestrado e doutorado) – Ciências na Agricultura e Ambiente (desde 1972) e Ecologia Aplicada (Interunidade ESALQ/CENA, desde 2001), ambos considerados de excelência pela CAPES (conceito 7).


Desenvolvimento técnico-científico de pesquisas de ponta

Temas importantes são abordados nas linhas de pesquisa nas áreas de conhecimento de biologia, química e energia, como:
• Desenvolvimento e aplicação de tecnologias analíticas na agricultura e ambiente 
• Mudanças climáticas, aquecimento global e medidas para mitigação das emissões dos gases de efeito estufa no ambiente agrícola 
• Sustentabilidade da produção agrícola em função das mudanças do uso da terra
• Uso e conservação da biodiversidade em sistemas naturais e agrícolas 
• Nanotecnologia aplicada à agricultura e ambiente 
• Biotecnologia vegetal e melhoramento genético
• Manejo e conservação do solo e da água 
• Produção de compostos marcados com isótopos para pesquisas na agropecuária e saúde
• Estudos paleoambientais (vegetação e clima) no Quaternário 
• Ecologia molecular e ferramentas de bioinformática 
• Ecotoxicologia e monitoramento da qualidade dos alimentos
• Saúde e bem estar animal

A meta final é a formação e treinamento de alunos e profissionais, com elevado espírito de liderança para atuarem em instituições de ensino e pesquisa, assim como em empresas.